Fala-se com frequência de filosofia oriental. Mas a filosofia, como actividade teórica e crítica, formulação de problemas e de conceitos sempre renovados, é uma tradição exclusiva do Ocidente, e inseparável de uma forma de transcendência, das Ideias, da Razão ou do Sujeito, implicando, em todos os casos, uma transcendência do Pensamento ou do Espírito, e com ela do Homem, à Natureza. Ora, o pensamento oriental, nas suas múltiplas tradições milenárias (Buda, Tao, Confúcio), não passa por nenhuma transcendência, filosófica ou teológica. Antes procede por imanência, por um pensamento-natureza, por uma «sabedoria» que não se exprime em conceitos mas em exemplos de vida e em ensinamentos aforísticos transmitidos como uma religião e na qual o universal e o particular, o vazio mais abstracto e o ser mais banal, coincidem sem mediações.

O que não faz dessa sabedoria do Oriente um pensamento pré-filosófico, no sentido evolutivo, mas antes uma outra forma de pensamento e de espiritualidade, nem inferior nem superior, historicamente «ao lado» da filosofia do Ocidente.

Os Analectos - Livro 2 de Confúcio

REF: 9789896826673
9,90 €Preço
  • Autor: Confúcio 

    ISBN: 9789896826673

    Edição ou reimpressão: 12-2017

    Editor: Lenoir

    Idioma: Português

    Encadernação: Capa dura

    Páginas: 290

    Tipo de Produto: Livro

Aceitamos

Show More

Horário de apoio a cliente

2ª a 6ª feira das 10h00 às 20h00

sábado das 11h00 às 19h00

  • Instagram Espiral
  • YouTube espiral canal
  • Espiral Twitter
  • Espiral Facebook
  • Site espiral.pt