Horário de apoio a cliente

2ª a 6ª feira das 10h00 às 20h00

sábado das 11h00 às 19h00

Aceitamos

Show More

O n.º 4 desta revista apresenta-se muito diversificado e sob o signo da crítica da cultura. 

Vários blocos temáticos abordam questões centrais: adaptação do movimento ecológico ao capitalismo verde; reformulações ambientalistas decorrentes dessa grande contradição; aspectos da actual importância política das culturas vernaculares (ameríndias, no caso vertente); crise terminal do modo de produção capitalista em algumas das suas expressões materiais; dimensão tentacular da tecnociência como aprofundamento e interiorização das relações sociais capitalistas. 

Uma parte dedicada à história sociopolítica portuguesa aborda o papel da tortura sonora durante o fascismo, a prolongada presença da mitologia colonial na identidade lusíada e o teatro militante de temática operária. São de sublinhar duas extensas contribuições: a do cineasta britânico Peter Watkins sobre a crise dos média audiovisuais e a do ensaísta sérvio Ljubodrag Simonovic sobre o desporto como religião do capitalismo. 

E ainda uma primeira longa abordagem do cinema francês de José Vieira (cinema e emigração), e a presença do surrealismo em Portugal na sua relação com o pensamento libertário. 

Este número, profusamente ilustrado, contém também participações de arte visual, poesia e ficção.

Flauta de Luz N.º 4 Revista de Crítica da Cultura

10,00 €Preço
  • ISBN: 0000015070692

    Edição ou reimpressão: 03-2017

    Editor: Júlio Henriques

    Idioma: Português

    Dimensões: 188 x 238 x 20 mm

    Encadernação: Capa mole

    Páginas: 264

    Tipo de Produto: Livro

  • Instagram Espiral
  • YouTube espiral canal
  • Espiral Twitter
  • Espiral Facebook
  • Site espiral.pt